Vida e Luz em Jesus.

Comentários

projeto partilha disse…
Evolução. Eis a palavra que aponta para a transição entre o entendimento do quem é 'DEUS'. Ontem, o conceito de DEUS era sentido na forma de, como sendo um velhinho de barbas brancas, envolvido pelas nuvens imaculadas do céu. Hoje, o conceito mudou. Foi substituído pela idéia de um ser sem forma e manifestado na FORÇA, LUZ, AMOR OU SABEDORIA. Esses elementos são a representação de Deus, o Criador. É através desse novo conceito, que nossas crianças conhecerão DEUS nos dias atuais. Mudança. Apenas conceitual. A essência continua sendo a mesma. A expressão desta energia, a Crística, é a de PRESENÇA REVOLUCINÁRIA, de transformação interior, onde cada um deverá ser um ativista, no sentido de mudar-se, transformar-se. No processo de reconstrução, a argamassa a ser utilizada é a do AMOR INCONDICIONAL. A bandeira a ser levantada é a da fé, com compreensão.
Guitierrez de Alenquer disse…
A fé cega é fruto do desconhecimento, instalada nas bases mentais dos seres humanos e deverá ser desmistificada. O educador, os leigos, o pedagogo, os catequistas, os instrutores, de mangas arregaçadas se põe em ação para reverter o processo de entendimento. Este clipe é um dos recursos. Parabéns TS Bovaris. Você foi muito feliz na escolha do material pedagógico, Aliás, você é professor?
Rui Nogueira disse…
SOB A ÉGIDE DA ALEGORIA DO FILHO DO TROVÃO

- É o filho do trovão.
- Mata à distância.
-De longe, como alguém pode se defender?
- Estampido aqui, morte dá adiante.
- É o símbolo da covardia, do ânimo traiçoeiro.
- Milênios de pregação de amor, em palavras.
- Realidade de filho do trovão.
- O que mata de longe, sem se arricar.
- Um ser humano pleno de energia vital ...
- Exuberante, belo, vivo, coração batendo energético.
- O filho do trovão pode explodí-lo, a seu bel prazer.
- Reuniu conhecimento e tecnologia.
- Acumulou poder.
- Todo ser humano deve ser atendido em seu anseio e destino de plenitude de vida.
- Morrer bem velho.
- De acordo com o ciclo da vida.
- Mas, há "escolhidos" que se acham acima da vida e da morte.
- Quero a exuberância da vida, no século XXI.
- Sem a segmentação em escolhidos e escravos.
-Filhos do conhecimento.
- Vivendo o desejo inerente de felicidade.
A expressão mais concreta do que representa reter conhecimentos e tecnologia é usá-la para intimidação.
Rui Nogueira. disse…
CONJUNÇÃO, EQUIDADE, SIMBIOSE, SOLIDARIEDADE.

CONJUNÇÃO é união, encontro.
Se defendermos CONJUNÇÃO como um princípio filosófico, uma postura ante as situações da vida, temos que apresentar um exemplo concreto que melhor possa esclarecer as pessoas.
Vale salientar que no século XX, há pouco findo, toda a orientação de vida era voltada para o individualismo, a competitividade, você ser uma criatura destacada, acima das outras e objetivando, fundamentalmente, ter sucesso, ou seja, sobrepor-se aos outros em todos ou em qualquer aspecto.
CONJUNÇÃO indica união, encontro, até gramaticalmente, pois é a palavra invariável que liga duas orações ou dois termos semelhantes da mesma oração.
Como sera a CONJUNÇÃO numa comunidade?
Vejamos.
Temos duas casas próximas, num loteamento da periferia de uma cidade grande.
Na primeira, a moradora, com dois filhos, estabeleceu um modo de vida em que permanece no lar, somente o seu esposo sai para trabalhar. Ela preferiu ficar em casa, cuidando dos filhos.
Na segunda, a moradora trabalha fora, sai todos os dias e está, sempre, com problema de como deixar os seus três filhos protegidos e cuidados. Já houve ocasião em que os deixou a sós. Para amenizar as suas preocupações implorava à uma vizinha que desse uma olhada, de vez em quando, nas crianças.
Nessa comunidade ocorreu, então, uma união, um encontro de objetivos.
A mãe que fica em casa, transformou-a num Lar de Apoio e recebe os filhos da que sai para trabalhar.
Houve CONJUNÇÃO, união, para resolver um problema da comunidade. Houve EQUIDADE, pois as duas poderão desenvolver suas potencialidades, uma cuidando das crianças como uma crecheira e a outra, desenvolvendo o seu trabalho com mais tranquilidade.
Em realidade, as atitudes das duas traduzem uma SIMBIOSE - preceito do mundo na própria constituição do ser vivo -, temos um todo com uma realização melhor que cada uma das partes.
As mães realizadas, as crianças tranquilas, protegidas. A comunidade sem crianças soltas nas ruas, o futuro mais garantido.
Tudo aconteceu porque houve SOLIDARIEDADE entre as duas mães. A SOLIDARIEDADE é uma virtude que aparece na necessidade.
Uma pessoa abastada, ao dar uma cesta básica a um carente, em realidade não está sendo solidária, mas sim, fazendo caridade ou dando esmolas.
A SOLIDARIEDADE surge nas pessoas que passam, ou já passaram, pelas mesmas dificuldades.
Na SOLIDARIEDADE há o amor social. Não a compaixão, que é "sofrer com", mas o "fazer com".
No exemplo citado não se esperou por iniciativas governamentais, nem atitudes de políticos. Apenas se uniram, verificaram qual a potencialidade de cada uma e com SOLIDARIEDADE, - a virtude de resolver junto com os outros problemas afins - construíram, localmente, UM MUNDO MELHOR.
Neste aspecto, fizeram o que chamamos de hiper-revolução pessoal. transformaram-se pessoalmente para, com uma NOVA CONSCIÊNCIA, melhorarem a própria vida e a da comunidade.
Poe certo estão felizes e são exemplos para a multiplicação, em escala maior.
Podemos ler, no pequeno, a visão grandiosa do ser. Pequeno e grande são escalas diferentes da mesma coisa.
Numa escala um pouco maior, qualquer associação comunitária pode coordenar um trabalho semelhante ao realizado por estas mães.
Numa escala maior, qualquer pessoa identifica situações que estão carecendo desta filosofia de CONJUNÇÃO, EQUIDADE, SIMBIOSE E SOLIDARIEDADE.

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.

A Família Campos no Sul de Minas Gerais.