Padre José Procópio Júnior em Carmo da Cachoeira

Imagem
Paróquia Nossa Senhora do Carmo sob nova guiança Editorial Sai Pe. Daniel Menezes, e assume como administrador paroquial da acolhedora cidade de Carmo da Cachoeira, em fevereiro de 2019, o Pe. José  Procópio Júnior. "Não cabe à pedra escolher o lugar que deve ocupar no edifício. Assim também não cabe à nós criaturas ditar ao Criador o que deve acontecer em nossa vida, pois Deus é quem sabe e dispõe com sabedoria própria." − Dom Servílio Conti, IMC Como página que observa os acontecimentos neste pedaço de chão mineiro, limitado por montanhas e que, segundo o cachoeirense Padre Godinho, “todas são azuis”, registramos o remanejamento ocorrido entre padres ligados a Diocese da Campanha no ano de 2019. Entre as mudanças encontra-se a Paróquia Nossa Senhora do Carmo/Carmo da Cachoeira – MG. Sai nosso querido Padre Daniel Menezes. Por ele continuamos a rezar e o devolvemos, entre lágrimas e a esperança de um dia tê-lo entre nós. Somos eternamente gratos e devedores. Entr

O inventário de João Daniel de Carvalho de 1808.

O Projeto Partilha, buscando saber que mais estava pelas imediações encontrou, no Inventário de João Daniel de Carvalho1. Sua inventariante foi Ana Francisca de Castro, a viúva e em 05 de julho de 1808, em sua folha 02 diz o seguinte:

... "dona Ana Francisca de Castro, viúva de João Daniel de Carvalho que por falecer sem filhos vem a recair a herança em seu pai o Capitão Antônio Pereira de Carvalho2 morador como a suplicante na Freguesia de Lavras."

Em sua folha 05:

Dividas Passivas:

- capitão Valentim José da Fonseca (fazenda Maranhão)
- Joaquim Inácio de Carvalho
- Licenciado José da Silva Campos
- Tomás de Aguiar Alves de Azevedo
- João Ferreira da Cruz
- Bento Francisco Lima
- José Antônio de Castro Moreira
- José Joaquim Ferreira
- Capitão Francisco José de Araújo e ao Guarda Mor João Marques
- Antônio de Souza
- Francisco, escravo de Antônio Pinto
- João Vicente Ferreira

Em sua folha 11: Relação dos bens que tocou ao inventariado por falecimento de sua mãe (madrasta) Jacinta Bernarda da Veiga (Jacintha Bernarda da Veiga).

Bens de Raíz:

- casas no Arraial de Lavras
- terras minerais
- fzenda dos Três Ferros que confrontantes:
→capitão Valentim José da Fonseca (Afonseca), leia-se fazenda Maranhão;
→com o Reverendo João Francisco da Cunha;
→com Antônio Pinto de Moraes; e
→com Francisco Xavier da Cruz.

Projeto Partilha - Leonor Rizzi

Próxima matéria: Garcia D'Avila e sual ligação com a família Alencar.
Artigo Anterior: Antônio Bonifácio Maciel o cartorário cachoeirense.

1 . Inventário arquivado no Museu Regional de São João del-Rei na caixa 435
2. Antônio Pereira de Carvalho teve dois casamentos: em primeiras núpcias com dona Ana Branca de Toledo, conforme ARY FLORENZANO, "descendentes de Amador Bueno". AGB Vol. VI, 1944, item QN36 e em José Guimarães; e em segundas núpcias Jacintha Bernarda da Veiga (Jacinta), filha de Antonio Manoel da Veiga e Maria Antônia de Jesus (III). Jacinta e Antonio foram pais de Marianna Clara do Nascimento casada com Flávio Antônio da Conceição: "Nos oito dias do mês de janeiro do ano (...) 1809 nesta matriz, Flávio Antônio da Conceição, filho do alferes José Isidoro da Silva e Laureana Angélica Villas Boas, casado com dona Marianna Clara do Nascimento, filha legítima do capitão Antonio Pereira de Carvalho e de dona Jacintha Bernarda da Veiga. Santa Ana das Lavras do Funil'. Para Antônio Pinto de Moraes, conforme João Peres de Gusmão, capitão. Aportes à Genealogia Paulistana, " Carolina Leopoldina de Souza, viúva de Antônio Pinto de Moraes", em 08.07.1842, viúva contrae segundas núpcias com João Pedro de Mattos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tabela Cronológica 10 - Carmo da Cachoeira

As três ilhôas de José Guimarães.

A família do Pe. Manoel Francisco Maciel em Minas.