O falecimento de Monsenhor Lefort em Campanha

Monsenhor José do Patrocínio Lefort

"O falecimento do Mons. José do Patrocínio Lefort (Campanha, MG), em 15 de dezembro p.p., abriu enorme lacuna n genealogia brasileira. Autor de extensa pesquisa sobre as raízes mineiras, parte incorporada ao conhecido estudo As Três Ilhôas, de José Guimarães, exerceu por longos anos, o cargo de Chanceler do Bispado de Campanha, cujos arquivos organizou e franqueou aos genealogistas de todo o país".

Monsenhor Lefort é descende do francês François Lefort, que veio para o Brasil em 1855. Filho filho de Francisco Augusto Lefort e de Palmira Antonieta Alves, nasceu em Campanha, Minas Gerais, em 05 de junho de 1914. Aí morou e estudou. Ordenou-se sacerdote em Mariana, Minas Gerais em 5 de dezembro de 1937.¹

Algumas de suas obras foram:
»Varginha;
»O Sul de Minas e as Bandeiras;
»Descoberta e povoamento do Sul de Minas; e
»A cidade de Campanha e Famílias Campanhenses.

1 . Carta Mensal n.47 do Colégio Brasileiro de Genealogia, relativa ao período de janeiro a março de 1998.

Comentários

marcos disse…
Comprei recentemente uma das grandes obras da Genealogia Mineira:"FAMÍLIAS CAMPANHENSES",editado em 1995,pelo Monsenhor José P.Lefort,e tive a grata saftisfação de encontrar dentro do livro uma carta sua dedicada a um amigo, que dizia o seguinte:
"Campanha, 25 de Janeiro de 1996

Meu caro amigo,
Saudações!
Ninguém pode imaginar,a não ser o autor,o trabalho enorme que é fabricar um livro de genealogia. Ignorância de nomes,confusão de pessoas,um cipoal danado.Foge-se de um abismo e a gente cai em outro que seria até bem mais facil resolver. E assim,aos troncos e barrancos foi feito este livrodurante meio século. Agora,está faltando só circular.Para arcar com as despesas,de início pensamentos em 10(dez),reais cada exemplar:depois vimos que não davam para cobrir os gastos. Pensamentos em 20,30 e voltamos para os 20, mais o porte do correio.Este então será o preço do momento.Termina dizendo:
Precisamops diminuir o prejuízo,donde virmos apelar para os amigos para que nos ajude a alcançar este objetivo. E aos que assim procederem,recompensa-os DEUS".
Graças a este trabalho de puro esforço,encontrei parte da genealogia dos SALLES,de Campanha,onde teve origem,meu saudoso sogro José Geraldo Sales,da cidade de Passa Tempo.
Só posso manifestar aqui um desejo:"que a luz de Deus,e a do Monsenhor,continue brilhando no intelecto do povo mineiro,no sentido de que as movas gerações possam conhecer mais sobre a História de sua gente,e de nosso povo.Pois,é somente a História é que pode dar consciência ao povo, de sua total existência".


Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.

A Família Campos no Sul de Minas Gerais.

Palanques e trincheiras na defesa dos quilombos.