Várias versões, mesmo fato, assim se faz a história.


Não é tarefa muito fácil descobrir, no fundo de um passado às vezes obscuro, a origem de povoações que nasceram e cresceram no interior do Brasil, sem que tivessem um cronista que deixasse escrita a história de seu nascimento, bem como o nome de seus fundadores.

Algumas, sabemos que surgiram à beira das estradas rasgadas nos sertões e tiveram como marco inicial os ranchos de tropeiros ou aventureiros, que ousadamentepenetravam o interior brasileiro, em busca de ouro ou pedras preciosas; outras, nasceram de capelaserguidas nas fazendas antigas pelos seus proprietários, porém muitas outras apareceram, não se saber como nem porquê.

Pedro Calmon, em sua "História Social do Brasil", diz: "As povoações começavam pela capela. Imitavam nisto o Brasil, cuja colonização começou pelo cruzeiro, chantado pelo descobridor". Mas a verdade é que nem todas começavam pela capela e quanto à origem de Carmo da Cachoeira, por exemplo, há várias idéias, nem todas muito de acordo com a tradição.

trecho do Livro: Carmo da Cachoeira: Origem e Desenvolvimento.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.

A Família Campos no Sul de Minas Gerais.

Palanques e trincheiras na defesa dos quilombos.