Uma indicação de estudo e leitura.

Uma "pitadinha" de história:

Johann Emanuel Pohl, da Comissão Científica e autor de "Viagem no Interior do Brasil" - 1819, cita o Registro do Duro, cuja criação é dada como tendo sido no século XVIII, passando depois a posto fiscal. É situado a sudeste do Tocantins, na franteira com a Bahia. Hoje corresponde ao Município de Dianópolis - TO. O autor seguiu o itinerário: Rio de Janeiro, Barbacena, São João Del Rei e Paracatu, Cristalina, Luziânia, Pirenópolis, Goiás Velho, Pilar, daí rumo ao Norte de Goiás.

Projeto Partilha - Leonor Rizzi

Próxima matéria: Fazenda Jaguara no Sul de Minas Gerais.
Artigo Anterior: Nardy Filho e os sesmeiros ituanos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.