Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2012

Projeto Jovens Construtores da Liberdade.

Problemática do Tema: A alegria como reflexão do poder do amor - caminho da conversão: “o amor vence barreiras, tem poder de transformar, pois contagia com o brilho da felicidade”. Iniciamos um trabalho na Comunidade São Pedro de Rates da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, em Carmo da Cachoeira. No princípio decidimos em equipe organizar um evento para movimentar adolescentes e jovens, levando-os a interagir na comunidade, valorizando o que eles têm de mais importante em si mesmos, através da realização de atividades do seu agrado e, a partir daí, desenvolver neles a consciência de que cada um possui um dom, uma vocação, incentivando-os a se colocarem a serviço da comunidade, de forma a conduzi-los ao despertar vocacional. Este projeto teve como base o “Oratório de Dom Bosco”, padre salesiano e Santo da Igreja Católica, que cativou e ainda hoje cativa a juventude com o seu carisma. Dom Bosco conquistou a juventude arrebanhando-a em uma época em que a exploração do trabalho era acirrada, q…

Fim de Ano.

O ano está declinando. O vulcão Kilauea da ilha Grande do Havaí, no Oceano Índico, um estado americano descontínuo, entra em erupção e joga suas lavas de forma diferente. Desta vez elas escorrem para o mar fazendo com que as águas atingidas entrem em ebulição. A seleção brasileira, rumo ao hexa em dois mil e catorze, tem novo comandante.

Inicia-se o período chuvoso do ano, ocorrem tempestades, árvores centenárias despregam do solo e caem. O sertão nordestino continua sem água, consequência do domo da Borborema, que impede a entrada das massas de ar úmida do Oceano Atlântico.

Entre todas as novidades deste derradeiro ano está o enlace matrimonial do prof. Pedro, o filósofo. A Kika conseguiu fazer com que ele se decidisse. A felicidade de um casal consiste em viver a unidade e a indissolubilidade.

As lojas estão a todo vapor e “rebolam” para atrair clientes e vender os seus produtos. A concorrência faz parte do sistema capitalista fazendo frente àqueles que têm e aos que são desprovid…

Então é Natal...

Vem chegando o Natal!
Presépios, guirlandas e árvores decoradas, dispostos à espera da preciosa noite. Eis que vem Aquele ser prometido no ventre imaculado de Maria, para ser o "Ungido" Jesus, nosso Senhor!

Uma reflexão que somos convidados a fazer é a partir da abertura de nossos corações à sua graça, sobretudo, não somente neste tempo de espera, em semanas de Advento, mas em todos os dias de nossa vida, sejam eles de bonanças ou tempestades.

Será que estamos caminhando em prol de um amor puro e sem recompensas, ou estamos preocupados com o "status" que ganharemos, agindo de forma caridosa, porém artificial?

As famílias precisando dar e pedir perdão; os vícios tomando conta de uma sociedade e, necessitando ser extinguido pelo toque tão singelo da oração; o abraço fraterno tão esperado por uma alma tão piedosa, ressuscitada das trevas da ignorância; seres humanos precisando de um olhar para dentro dos olhos de forma misericordiosa a exemplo do menino Deus que chega…

O Ano da Fé.

O Papa Bento XVI escolheu o mês de outubro para iniciar o “Ano da Fé” porque neste mês celebrou-se o cinqüentenário da abertura do Concilio Vaticano II e o aniversario de 20 anos da publicação do Catecismo da Igreja Católica. O Ano da Fé se encerrará no dia 24 de novembro de 2013, na festa de Cristo Rei do Universo.

Para que dedicar um ano exclusivo para a Fé? Para agradecer a Deus a criação humana e também agradecer o dom da Fé.

O que é a Fé? É a primeira virtude teologal: Fé – Esperança – Caridade. Fé é um dom de Deus que eleva o Homem ao estado sobrenatural de Filho de Deus, e, é preciso desenvolver este dom.

E na vivencia da Fé que o homem se encontra completamente consigo mesmo e com o outro, e realiza plenamente a vocação a que foi chamado.

A Fé traz ao mundo um pouco do divino, e, lapida a beleza da criação, muitas vezes escondida pela nuvem do pecado. É um alienado aquele que não acolhe, não cultiva e não promove o dom da Fé.

O coração humano encontra na fé o seu porto seguro…

Onde se encontra a felicidade?

APRENDENDO COM OS SANTOS
Longe de mim, Senhor, longe do coração do teu servo, que se confessa diante de ti, longe o pensamento de que uma alegria qualquer possa torná-lo feliz. Há uma alegria que não é concedida aos ímpios, mas àqueles que te servem por puro amor: essa alegria és tu mesmo. E esta é a felicidade: alegrar-nos em ti, de ti e por ti. É esta a felicidade e não outra. Quem acredita que existe outra felicidade persegue uma alegria que não é verdadeira; contudo, a sua vontade não se afasta de certa imagem de alegria.

Portanto, não podemos dizer com segurança que todos queiram ser felizes, pois aqueles que não querem alegrar-se em ti – única felicidade – certamente não querem ser felizes. Ou talvez o queiram, mas “não fazem o que desejariam, porque a carne tem aspirações contrárias ao espírito e o espírito contrárias à carne” (Gl 5,17). Chegam somente até onde podem e se contentam com isso, porque não podem alcançar o que não desejam com a força necessária para obtê-lo. Pergu…

São Frei Galvão e a reflexão da comunidade.

Santo Antonio de Sant'Anna Galvão, chamado carinhosamente pelos cachoeirenses de São Frei Galvão, é comemorado em Outubro com novena. A Comunidade São Pedro de Rates de Carmo da Cachoeira realizou novena preparatória com inclusão de conselhos pastorais e movimentos paroquiais. A organização foi pensada no intuito de se ver integrada as forças ativas da comunidade em torno de um evento religioso, esteja ele acontecendo onde quer que seja.

A Paróquia Nossa Senhora do Carmo de Carmo da Cachoeira buscou assim desenvolver a fé e fortalecer a espiritualidade de seus fiéis, como verdadeiros missionários, grupos encarregados da organização em seu dia de escala, criativamente, saem de seus bairros e procuram enriquecer o evento com sua participação.
Vem em nossa lembrança o relato de Lc. 12, 35-38: "Ficai de prontidão, com o cinto amarrado e as lâmpadas acesas. Sede como as pessoas que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrir a porta, logo que ele c…

A Grande Família dos que Fazem a Vontade do Pai.

Deus anda soprando e dizendo muita coisa boa para nosso grupo e, também, para os do lado de lá... No entanto, fiquem atentos e aprendam a ouvir com critério, imbuídos do espírito fraterno (Mt 12,23-35).

Fiéis católicos devem observar com mais rigor o que se passa ao seu redor. O Papa Bento XVI, no encontro do último 26 de setembro, durante audiência geral na Praça de São Pedro, como pastor do grande rebanho que conduz, veio lembrar que o centro da teologia litúrgica do Concílio Vaticano II foi o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo; alertou para o fato de que as celebrações litúrgicas que distanciam os fiéis da participação ativa do POVO DE DEUS na obra do próprio Deus, devem ser olhadas com reserva.

Então: de que obra de Deus somos chamados a participar? Você já percebeu que o CAMINHAR DO POVO DE DEUS se dá de forma coletiva? Como assegurar a unidade no pluralismo, senão através de encontros celebrativos, do respeito, do saber ouvir, do saber falar, do saber ceder?…

O papel do educador e do gestor escolar.

A formação de novas gerações num mundo em constante transformação exige uma escola dinâmica, desafiadora, crítica e criativa, capaz de promover um ensino de qualidade, integrador e consistente.

A escola é uma instituição dentro da sociedade, onde seu papel, além de pedagógico, é de auxiliar no desenvolvimento humano, moral e ético dos alunos.

De acordo com a UNESCO (Órgão da Organização das Nações Unidas, para a Educação, a Ciência e a Cultura), a educação é concebida em quatro pilares: aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser. Nesse processo, o gestor escolar tem o papel de articulador/coordenador da prática pedagógica, da sua organização (definindo tempo, espaços e meios, ou seja, o seu "jeito de fazer escola"), desenvolvendo a função social da escola que é ensinar bem e preparar o indivíduo para exercer a cidadania e o trabalho no contexto da sociedade.

A prática da gestão não se desenvolve de modo solitário; ela se faz em equipe com a …

A Fé, a Sustentabilidade e a Pastoral da Ecologia.

Os dois últimos meses proporcionaram boas oportunidades para que pudéssemos pensar e lutar pela sustentabilidade. Em setembro tivemos o Dia da Árvore e, logo a seguir, a celebração da Primavera. Em outubro tivemos o Dia de São Francisco que dedicava cuidado especial à natureza, às criaturas e a toda espécie de vida. Depois vieram as eleições municipais: a vida saudável das pessoas de uma cidade depende essencialmente de uma administração comprometida com as questões ambientais.Por isso, a Diocese da Campanha – por meio da Pastoral da Ecologia – procurou aproveitar esses momentos para convidar todos os cristãos para se dedicarem mais atentamente à construção de um município sustentável.

O que vem a ser “sustentabilidade”? Nunca antes se ouviu falar tanto nessa palavra quanto nos dias atuais: nas escolas, nos órgãos de governo, nas ONGs e até nas ruas;foi o tema central da RIO+20. Quanto mais se agravam os riscos de sobrevivência do Planeta e, portanto, do homem e de todos os seres vivo…

O Beato João Paulo II.

Karol Józef Wojtyla nasceu na data de 18/05/1920, em Wadowice, lugarejo distante 50 km de Cracóvia, a terceira maior cidade da Polônia, e faleceu em 02/04/2005,na cidade do Vaticano. Era o mais novo dos três irmãos, portanto o caçula do casal tenente Karol e Emilia Kaczorowska. Sua infância e juventude foi deveras sofrida: assistiu a morte de vários amigos e colegas quando o exército alemão invadiu a Polônia, na Segunda Guerra Mundial. Aos vinte anos já tinha perdido todos os que ele amava.

Wojtyla foi um atleta, chegando a atuar no futebol amador de Wadowice. Manifestou interesse pelo teatro, pela música popular e pela literatura.Com o pseudônimo de AndrzejJawien, publicou livros de poesia, uma peça de teatro chamada “A loja do Ourives” e escritos teológicos e éticos. Era um poliglota: falava 12 línguas. A ideia do sacerdócio veio após a morte do pai. Em 1942, ele bateu às portas do palácio do bispo e pediu para estudar, começando a ter aulas num seminário que funcionava clandestina…