Dona Mariana Felisbina em Nepomuceno.



Ao buscar dona Mariana Felisbina, o Projeto Partilha a encontrou no PORTO DOS MENDES DE NEPOMUCENO. Ela foi casada em primeiras núpcias com José Caetano de Carvalho e em segunda com Antonio Pereira de Gouveia(I), filho de José Pereira da Silva e de Ana Teres de Jesus. Ana, filha de Manoel Alves Pedrosa, casada com Antonio Dias de Gouveia, da Fazenda Ponte Falsa, do Carmo da Cachoeira da Boa Vista, de Lavras do Funil.

Tarcísio José Martins, p.768 de Quilombo do Campo Grande, 2008, diz:Ao buscar dona Mariana Felisbina, o Projeto Partilha a encontrou no PORTO DOS MENDES DE NEPOMUCENO. Ela foi casada em primeiras núpcias com José Caetano de Carvalho e em segunda com Antonio Pereira de Gouveia(I), filho de José Pereira da Silva e de Ana Teres de Jesus. Ana, filha de Manoel Alves Pedrosa, casada com Antonio Dias de Gouveia, da Fazenda Ponte Falsa, do Carmo da Cachoeira da Boa Vista, de Lavras do Funil. Tarcísio José Martins, p.768 de Quilombo do Campo Grande, 2008, diz:

"O Texto-orelha do mapa do capitão França confirma que "embarcamos no Porto Real abaixo de Santa Ana (Topônimos PORTO DO MENDES e PORTO DOS TROPEIROS, noroeste de Lavras, perto da Fazenda da Soledade, onde provavelmente morasse o capitão França - in mapa topográfico de Lavras, 1:100:000. IBGE, 1898), pelo rio GRANDE ABAIXO até as cachoeiras das ESPERANÇAS (Porto do Jacaré, mapa topográfico de Boa Esperança, 1:100 000, IBGE, 1951; porto da Felícia, do Fernandes e Osório, mapa topográfico de Cristais, 1:100 000, IBGE, 1951), donde se fizeram várias experiências de ouro e no rio, em algumas (...)".

"O Texto-orelha do mapa do capitão França confirma que "embarcamos no Porto Real abaixo de Santa Ana (Topônimos PORTO DO MENDES e PORTO DOS TROPEIROS, noroeste de Lavras, perto da Fazenda da Soledade, onde provavelmente morasse o capitão França - in mapa topográfico de Lavras, 1:100:000. IBGE, 1898), pelo rio GRANDE ABAIXO até as cachoeiras das ESPERANÇAS (Porto do Jacaré, mapa topográfico de Boa Esperança, 1:100 000, IBGE, 1951; porto da Felícia, do Fernandes e Osório, mapa topográfico de Cristais, 1:100 000, IBGE, 1951), donde se fizeram várias experiências de ouro e no rio, em algumas (...)".

Comentários

marcos disse…
Eram moradores da Freguesia e Distrito da Cachoeira do Carmo da Boa Vista,no ano de 1865:Antônio Joaquim Alves,José Fernando Avelino,João Villela Fialho,Anônio Severiano de Gouveia(Juizes de Paz),José Martins de Andrade(Sub delegado),Joaquim Antônio de Rezende(padre-e Inspetor paroquial-da família Rezende),Jerônimo Ferreira Pinto,José Celestino Terra(negociantes de fazendas),Francisco Nunes das Chagas,José Dias Palhão,Antônio dos Silva,Domingos Francisco Xavier,Francisco de Paula Silva,José Felizardo de Assis,José Ferreira Godinho,José Joaquim Alves,José Mendonça de Athayde e Matheus Rodrigues da Silva(negociantes de gênero na região).

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.