Padre José Procópio Júnior em Carmo da Cachoeira

Imagem
Paróquia Nossa Senhora do Carmo sob nova guiança Editorial Sai Pe. Daniel Menezes, e assume como administrador paroquial da acolhedora cidade de Carmo da Cachoeira, em fevereiro de 2019, o Pe. José  Procópio Júnior.
"Não cabe à pedra escolher o lugar que deve ocupar no edifício. Assim também não cabe à nós criaturas ditar ao Criador o que deve acontecer em nossa vida, pois Deus é quem sabe e dispõe com sabedoria própria." − Dom Servílio Conti, IMC Como página que observa os acontecimentos neste pedaço de chão mineiro, limitado por montanhas e que, segundo o cachoeirense Padre Godinho, “todas são azuis”, registramos o remanejamento ocorrido entre padres ligados a Diocese da Campanha no ano de 2019. Entre as mudanças encontra-se a Paróquia Nossa Senhora do Carmo/Carmo da Cachoeira – MG.

Sai nosso querido Padre Daniel Menezes. Por ele continuamos a rezar e o devolvemos, entre lágrimas e a esperança de um dia tê-lo entre nós. Somos eternamente gratos e devedores. Entra, aureola…

São Vicente de Paulo, Fervoroso Missionário.

− 27 de setembro –

Nasceu na França, em 1581, em família camponesa muito devota e com 19 anos foi ordenado sacerdote. De espírito piedoso, nunca deixou de visitar os enfermos nos leitos do hospital e de assistir aos pobres. Recebeu muitos encargos junto a pessoas socialmente importantes, como capelão, confessor e educador, mas sempre compartilhando amavelmente sua atenção com os desvalidos. Com ânimo alegre, suave, simples e humilde conseguiu conciliar o serviço aparentemente contraditório aos poderosos e aos desassistidos. Lutou muito em favor dos condenados das galés, que eram tratados de forma cruel e desumana. As galés eram as embarcações movidas a remo usadas no transporte marítimo daquela época. Era comum usar prisioneiros como remadores.

O seu profundo amor pelos necessitados levou-o a perceber o estado de abandono espiritual das pessoas que viviam no campo; para ampará-los, fundou a Congregação da Missão, que conhecemos como a Ordem dos Padres Lazaristas, com a missão de levar o Evangelho ao povo pobre do interior, seguindo os passos de Cristo, o Evangelizador dos pobres.

No coração do Padre Vicente ardia a chama da caridade evangélica. Com esse fogo clamou pela caridade para com os miseráveis e, a graça de Deus respondeu ao seu apelo, enviando-lhe Santa Luisa de Marillac, com quem fundou a Congregação das Filhas da Caridade – primeira congregação feminina a viver a consagração no meio do povo, servindo os necessitados −que dois séculos mais tarde seria o berço espiritual de Santa Catarina Labouré. Com ardente espírito missionário, ele queria levar a Boa Nova de Cristo até o fim do mundo e dizia a essas suas filhas: “o principal desígnio das Filhas da Caridade é imitar a vida de Jesus Cristo sobre a terra, servir os pobres corporal e espiritualmente, ajudando-os a conhecer Deus e a utilizar os meios para se salvarem”. (Conferência de 16/03/1642).

Faleceu aos 79 anos de idade e foi canonizado em 1737.

"Que alegria servir a pessoa de Jesus Cristo nos seus pobres membros!"

São Vicente de Paulo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Antiga foto da fazenda da Serra de Carmo da Cachoeira.