S. Pedro de Rates e D. Diamantino Prata de Carvalho.



O período de preparação para Crisma termina. Foram dois anos e meio após a celebração solene da 1ª Eucaristia, marcados por encontros formadores, sob a orientação da Catequese de Crisma. Esta é a justificativa para a presença do Sr. Bispo em nossaParóquia.

Momento significativo e de sérias reflexões nos envolvem neste dia. Será que a preparação foi levada a sério? A família assumiu a responsabilidade? A comunidade cristã soube acolher este jovem? O crismando de hoje tem consciência de que, como cristão, ele tem compromisso com a comunidade? Será que os crismandos(jovens, adolescentes e adultos) reconhecem que o Sacramento da Confirmação é um ato de compromisso com a comunidade? A família do crismando tem conhecimento das oportunidades oferecidas por sua comunidade, para que seus filhos continuem sua caminhada de fé? Crismando, você já fez sua opção para engajar-se no serviço de sua comunidade?

Tanto a Paróquia como o Conselho Pastoral Paroquial (CPP) vêm preparando com carinho caminhos facilitadores para que os jovens trilhem sua vida com fé. Neles são colocados pastorais, conselhos e movimentos atentos para prepará-los, criando e mantendo espaços de convivência para grupos de jovens. Onde os encontramos hoje? No RCC, na Pastoral da Juventude, na Pastoral de Crisma, nos Jovens Construtores da Liberdade, no Grupo de Formação de Coroinhas, no Grupo de Jovens Vide e Vede. As comunidades, através de seus conselhos, são terrenos férteis e fecundos para que desenvolvam trabalhos em benefício de todos. As atividades motivadoras oferecidas pela comunidade são um jeito de aprofundar a fé do jovem e tentar levá-lo a vivê-la no seu cotidiano. O jovem de hoje necessita de capacitação contínua, pois o mundo vem apresentado contínuos desafios. Ele deve estar em perfeita sintonia com os valores vividos por suas famílias: a doméstica e a comunitária.

A Diocese da Campanha tem realizado estudos contínuos a fim de alargar horizontes e ampliar conceitos de convivência harmoniosa, sadia, salutar, entre os distintos grupos presentes em sua Igreja Particular. A experiência de parceria entre pastorais revela que é possível uma pastoral de conjunto. Isolada, cada pastoral apenas enxerga seu mundinho. Entrosando-se com outras, pode articular e dinamizar projetos que beneficiem a todos. É norteada por esse entendimento que a Paróquia Nossa Senhora do Carmo caminha: valoriza o que já existe, incentiva a união, completa a formação, desmembra quando necessário e também integra a partir da espiritualidade de cada movimento.

Neste dia em que a Diocese se faz presente nesta Paróquia, através da presença do Sr. Bispo Diocesano, rendemos graças e bendizemos ao Criador por este momento. Aproveitamos a presença de mais de uma centena de batizados, da presença de pais, padrinhos e amigos dos que testemunham o Sacramento de Crisma, para agradecer a todos, fazendo votos de que daqui saiam muitos discípulos missionários de Jesus Cristo.

Jovens Construtores da Liberdade
Setor São Pedro de Rates

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.

A Família Campos no Sul de Minas Gerais.