Pastoral mobiliza grupos em Carmo da Cachoeira.


A Comunidade Paroquial São Pedro de Rates, a partir da reunião do Conselho Paroquial de Pastoral do mês de agosto, mobilizou-se como um dos grupos integrantes que receberiam e acompanhariam evangelizadores visitantes. Participaram:

a) como Missionários, os componentes dos grupos de intercessão. São eles: Paulinho, coordenador do Terço dos homens que acontece todas as quartas-feiras no "Santuário"; Mariana, coordenadora do Terço da Sagrada Face de Jesus (terças-feiras); Salete, coordenadora do Terço Cenáculo no Santuário (sextas-feiras) e Di, coordenadora do Terço dos Guardiãos; Marina pela catequese e Romilda pela Pastoral do Dízimo;

b) como colaboradores, para garantir as refeições dos 98 visitantes, os moradores. Supriram eles as necessidades para o desjejum e almoço de 2 dias. Outras comunidades, também, foram escaladas com provisões, bem como, disponibilizaram suas casas para acolhimento e pernoite. Na São Pedro de Rates, as famílias Di/Orlando e Helen/Valmir receberam 10 dos visitantes.

As atividades preparatórias para o encontro foram grupais. Aconteceram a partir das 7 horas do dia 21, no Salão Paroquial de Nossa Senhora do Carmo. A tarde deste dia e a gelada manhã de 22 foram dedicadas a visitas domiciliares. A noite do dia 21 aconteceu, em vários pontos, encontros para oração. Os integrantes do grupo ligados a São Pedro de Rates participaram do Grupo de Oração na Igreja Matriz, a partir das 19 horas. A proposta é a de proporcionar um "Encontro com Cristo" ( ... se alguém está em Cristo, nova criatura é. As coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." (2 Co 5.17).

A idéia acalentada em nossos corações é a de que o envolvimento e atenção a voz de Jesus Cristo no Evangelho e a busca por ver a Luz do Verdadeiro nele, ou seja, o sol da justiça, funciona como forte dinamizador na reconstrução de uma nova vida pessoal e social entre nós. Jesus Cristo é a Luz que penetra as cavernas e abismos para resgatar o mais vil pecador (Lc 2.32) e, "caverna não é lugar para quem serve a Deus (1 Rs 19.9). Nossas cavernas podem estar representadas pelo nosso individualismo, por nossos vícios, nosso comodismo e de onde devemos nos locomover. Oração e interação funcionam como mola propulsora de elevação.

A ação missionária, em sua forma interativa é fundamentada segundo a vivência do próprio Jesus Cristo, cujas Palavras estão contidas nas passagens do Evangelho. Recordamos Is 52.7, "Que formosos são sobre os montes os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, que anuncia coisas boas, que faz ouvir a salvação, que diz a Sião: O teu Deus reina!" A que ocorre em Carmo da Cachoeira, neste 22 de agosto, caracteriza-se como sendo um movimento portador de Luz. A Luz que reside no mundo das idéias (Cf. O Mito da Caverna. Platão, discípulo de Sócrates). Alicerçados na fé de que a ascensão da alma segue sua inevitável trajetória para a mansão intelilígel - a residência do BEM e, com a mente firmada em Deus e sob o comando da Palavra de Jesus Cristo, duplas de missionários visitam residências. Puro serviço de amor fraterno, desinteressado em nível humano e solidário seguem elas escudadas pela Palavra: "muito mais o sangue de Cristo, que, pelo Espírito eterno, a si mesmo se ofereceu sem mácula a Deus, purificará a nossa consciência de obras mortas, para servirmos a Deus vivo." (Hb 9.14)


Projeto Partilha - Leonor Rizzi

Comentários

leonor disse…
É... ... a Pastoral da Comunicação da Comunidade Paroquial São Pedro de Rates faz sua parte no mundo virtual, na pessoa do administrador deste blog. O grupo cachoeirense, que tem as mãos na massa, agradece o esforço e dedicação desse seu MISSIONÁRIO DA COMUNICAÇÃO - TS Bovaris (Rícard Wagner Rizzi Pereira da Mota) que, durante anos a fio e dia-a-dia, sem medir esforços, atualiza esta páginas.
Meu amado filho, Ri. Saiba de nossa eterna, profunda e sincera gratidão pelo que você tem feito por Nossa Senhora do Carmo residente na Igreja Matriz da amada Carmo da Cachoeira, do sul de Minas Gerais. Nós só fazemos nossa parte, não é mesmo, enfim ... é tudo que temos para ofertar - nossa boa vontade.

Não se deve dizer
Nada posso ofertar
Pois as mãos mais pobres
São que mais se abrem
Para tudo dar.

Luz e amor incondicional a vc.
leonor rizzi disse…
JUNTOS SEREMOS MAIS FORTES. Juntos somamos, juntos buscamos, juntos encontraremos o que buscamos, juntos iremos confraternizar.

DOCA RATES e FAZENDA RATTES.

Idos tempos...
Mais tarde ...
Após 1854 ...
Num determinado local ...
a beira do RIO AMAZONAS
uma oficina mecânica
onde os navios... .

Cf.: BAIRRO DA COLÔNIA - O mais antigo de ITACOATIARA.

"A Colônia é o principal bairro itacoatiarense. Localiza-se na parte oesta da cidade e, crescendo assustadoramente, parte da Avenida 15 de novembro indo parar na Fazenda Rates (...)."

RATES/Rattes. As gentes de Rates/Rattes estão sempre junto de caminhos terrestres e/ou nos percursos das águas. É o que temos constatado, sempre, sempre que os buscamos ... ... . Agora um percurso amazonense. Mais um ... Vamos juntando, juntando sempre, incansavemente. É só conferir relatório "dos antigamente" (1857, fala de Dr. João Pedro Dias Vieira). "A olaria fabricava tijolos, que eram exportados, se localizava nos quintais da atual fazenda do DOCA RATES (...).
Cf.: BAIRRO DA COLÔNIA - Ouvidoria Geral do Município de Itacoatiara - Windows Internet Explorer
Yasmin disse…
Lembrete:
A Novena pela beatificação do Servo de Deus Padre Victor será transmitida pelo site da Rádio Diocesana da Campanha:
www.radiodiocesanaam.com.br, às 15 horas.

TERÇO DO ESPÍRITO SANTO
Publicação: Livrinho "Novena pela Beatificação do Servo de Deus Padre Victor", p.02.
(inicia-se com a oração do Pai Nosso e da Ave Maria, depois contempla-se o mistério, usando o terço de Nossa Senhora para as inovações e jaculatórias, conforme abaixo).
A CONTEMPLAÇÃO DOS MISTÉRIOS:
Dirigente 1:
Primeiro Mistério: Honremos o Espírito Santo, adorando-O como a terceira pessoa da Santíssima Trindade. Ele é o Amor que procede do Pai e do Filho, é o Senhor que dá vida. Como o Pai e o Filho Ele é adorado e glorificado por nós, que estamos unidos nesta oração.

Segundo Mistério:
Honremos a ação do Espírito Santo na vida e missão da Mãe de Jesus Cristo, adorando-O na concepção Imaculada de Maria e santificando-a desde o primeiro instante da sua existência, com a plenitude da graça, a ponto de o anjo Gabriel, no dia da Anunciação, chamá-La de "Ave, Cheia de Graça!".

Terceiro Mistério:
Honremos o Espírito Santo, adorando-O no mistério de Pentecostes, em que Ele fez nascer a Igreja, conduzindo-a até os dias de hoje, para ser sacramento de Salvação e de Comunhão dos cristãos entre si e com Deus.

Quarto Mistério:
Honremos o Espírito Santo, adorando-O na sua presença e atuação nos Apóstolos, no primeiro anúncio do Evangelho, da boa nova de Jesus Cristo morto e ressuscitado, Senhor do céu e da terra.

Quinto Mistério:
Honremos o Espírito Santo, adorando-O na sua presença atuante e permanente na vida e missão de todos os batizados, dando-lhes força e coragem para serem testemunhas e missionários de Jesus Cristo na Igreja e no mundo.

Nas contas grandes (da contemplação):
Dirigente 1: Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor.
Dirigente 2: Enviai, Senhor, o vosso Espírito e tudo será criado.
TODOS: E renovareis a face da terra.

Nas contas pequenas (nas Ave Maria):
Leitor: Pai, nós vos pedimos, em nome de Jesus Cristo.
TODOS: Enchei-nos do Espírito Santo!

No final de cada dezena:
Dirigente 1: Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Todos: Como era no princípio, agora e sempre. Amém.
Continua.
Yasmin disse…
(Continuação) p. 03 do Livrinho, "Novena pela Beatificação do Servo de Deus Padre Victor". Terço do Espírito Santo.

(Após cada mistério rezado, cantar um refrão de um canto popular do Espírito Santo).

Dirigente 1: Confiando no poder e na ação do Espírito Santo, esperamos que a bom tempo seja proclamada pela nossa Igreja a santidade do nosso Servo de Deus Padre Victor. Para isso, vamos rezar a Oração pela Beatificação:

TODOS: Ó Pai, que concedestes a vosso Servo Padre Victor ser amigo dos pobres, dos humildes e dos simples e lhe destes a graça de ser vosso fiel servidor na busca do Reino dos Céus, nós Vos pedimos que a Igreja possa reconhecer oficialmente as suas virtudes e o proponha como modelo e protetor nosso.
Por ter sido exemplo de pobreza, de simplicidade, de caridade para com os mais pobres e de serviço dedicado à Igreja, nós Vos pedimos que, pela sua valiosa intercessão, obtenhamos no coração um ardente amor a Vós e ao próximo. Isso Vo-lo pedimos por meio de Jesus Cristo, Vosso filho, em união com o Espírito Santo. Amém.

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.