Uma comunidade de fé em Carmo da Cachoeira.

Ajude-nos a contar a história de Carmo da Cachoeira. Aproveite o espaço "comentários" para relatar algo sobre esta foto, histórias, fatos e curiosidades. Assim como casos, fatos e dados históricos referentes a nossa cidade e região.

Foto: Paulo Naves Reis - 2009 - Arte: TS Bovaris

Próxima imagem: Agitação cultural na Praça do Carmo.
Imagem anterior:
Senhor dos Passos em Carmo da Cachoeira, MG

Comentários

projeto partilha disse…
Ana Vilela de Assunção residia em Aiuruoca nos finais do Século XVII, ocasião em que os "Martins Alfena" apontavam como incentivadores de um movimento para o desenvolvimento da região chamada hoje, Município de Alfenas, Minas Gerais. Os registros de óbitos, batizados e casamentos deste novo e promissor território na ocasião encontram-se a Freguesia de Cabo Verde, local onde a que era jurisdicionado. Muitos dos moradores de Aiuruoca transferiram suas residências para a região do Sapucaí, inclusive, Domingos Vieira e Silva, impulsionando, assim, o desenvolvimento da nova região aí nascente.
projeto partilha disse…
Um fragmento
(...) sua mulher, uma sorte (rasgado) Cachambú - Collectoria (rasgado) em 5 de fevereiro de (rasgado) Minas Geraes, exercício de 1886 a (rasgado) de receita fica debitada ao Collector a (rasgado) de nove mil reais, recebido de Antonio Severiano de Gouveia Júnior, pelo imposto (...)Testemunhas a tudo presente da Freguesia de Luminárias e (...) subdelegacia de Paz, Joaquim Cândido de Abreu. Seguem as assinaturas: Martinho Dias de Gouvêa; Maria Gabriella Junqueira; Antonio Severiano de Gouvêa Júnior; José Chrisóstomo Teixeira e Antonio Joaquim Alves de Gouvêa.
projeto partilha disse…
Um recadinho para Munira da Costa.
Uma das Fazendas mais antigas deste Município do Carmo da Cachoeira foi a das ABELHAS, de Joaquim Fernandes Ribeiro de Rezende, c.c. Jacinta Ponciana Branquinho. Uma de suas filhas, Maria Francelina de Rezende, casou-se com Rafael dos Reis Silva, nascido na Fazenda do Couro do Cervo, Carmo da Cachoeira, no ano de 1800. Maria Francelina e Rafael tiveram 8 filhos sendo que, a de nome Maria Elídia e Francelina Ricardina c.c. JOAQUIM FLÁVIO DA COSTA, nascido na cidade de Lavras, filho de Gabriel Flávio da Costa e Maria Jesuína de Andrade. Viúvo de Maria Elídia, c.c. sua irmã, Francelina. Foram moradores de Três Corações. São pais de Joaquim Flávio da Costa Júnior, casado com Marciana Gabriela da Costa.
projeto partilha disse…
Para Munira da Costa. Recado n.2:
Cândida Emídia dos Reis Oliveira,irmã de Elídia e Francelina, casou-se com Manuel Cecílio de Oliveira, filho de Manuel Francisco de Oliveira e Francelina Umbelina de Arantes. Filhos: Maria Francelina de Oliveira, c.c. Severino Ribeiro Naves; Francelina Margarida de Oliveira, c.c. Joaquim Rezende, enviuvando-se c.c. André Ribeiro de Rezende; Maria Carolina de Oliveira, c.c. Alexandre de Rezende Vilela; Ana Cândida de Oliveira, c.c. Esperidião Avelar; Cândida Emília de Oliveira, c.c. José de Andrade Junqueira e Carolina Reis Oliveira, c.c. Aristides de Andrade Junqueira.

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.