Uma sepultura para Anita Moreira de Souza.

"Aos trinta de dezembro de mil novecentos e sessenta (1960), foi encomendada e sepultada no cemitério Paroquial o cadáver de Anita Moreira de Souza, com quarenta e seis anos de idade, natural do distrito de Carmo da Cachoeira, filha de Olimpio Virgolino de Souza e de Ana Maximina de Souza, casada com Tomé Moreira do Amaral. Causa mortis: colapso cardíaco. E para constar, foi lavrado este termo que assino. O pároco. Padre Manoel Francisco Maciel."

Projeto Partilha - Leonor Rizzi

Próxima matéria: Sepultada Júlia Paranaíba Vilela em Minas.
Artigo Anterior: A elegante dona Gabriela Carvalho Galvão.

Comentários

projeto partilha disse…
Livro de Assentamentos Paroquiais da Paróquia Nossa Senhora d Carmo, Carmo da Cachoeira, Minas Gerais. Diocese da Campanha.

"Aos 05 dias do mês de agosto de mil novecentos e dezenove, nesta Matriz, batizei solenemente a Edegar, nascido em 20 de junho de mil novecentos e dezenove filho de Ovídio Alves d Gouvêa e de Maria Conceição Sant´Ana. Foram padrinhos: Eduardo Alves de Gouvêa e Maria Secunda das Dores. E para constar mandei lavrar este termo que assino. O vigário, Pe. João P. do Amaral."

Anotações a margem do assento:

Recebeu o Presbiterato em 28 de novembro de 1943

Recebeu o diaconato em 1943.
Assina, Pe. Manoel Francisco Maciel

Recebeu o antiocenato em 1948

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.