Padre José Procópio Júnior em Carmo da Cachoeira

Imagem
Paróquia Nossa Senhora do Carmo sob nova guiança Editorial Sai Pe. Daniel Menezes, e assume como administrador paroquial da acolhedora cidade de Carmo da Cachoeira, em fevereiro de 2019, o Pe. José  Procópio Júnior. "Não cabe à pedra escolher o lugar que deve ocupar no edifício. Assim também não cabe à nós criaturas ditar ao Criador o que deve acontecer em nossa vida, pois Deus é quem sabe e dispõe com sabedoria própria." − Dom Servílio Conti, IMC Como página que observa os acontecimentos neste pedaço de chão mineiro, limitado por montanhas e que, segundo o cachoeirense Padre Godinho, “todas são azuis”, registramos o remanejamento ocorrido entre padres ligados a Diocese da Campanha no ano de 2019. Entre as mudanças encontra-se a Paróquia Nossa Senhora do Carmo/Carmo da Cachoeira – MG. Sai nosso querido Padre Daniel Menezes. Por ele continuamos a rezar e o devolvemos, entre lágrimas e a esperança de um dia tê-lo entre nós. Somos eternamente gratos e devedores. Entr

Um Costa em busca de suas origens mineiras.

de: Jean da Costa

Olá consegui seu msn no blog que resgata a história de Carmo da Cachoeira. Sem dúvidas um inestimável trabalho em prol da história desta cidade e de seu povo. Parabéns. Gostaria de falar a respeito. Obrigado!

Comentários

Anônimo disse…
Oi, Jean. Bendito todo aquele que deste espaço se aproxima no intuito de busca e compartilhamento, como é o seu caso. Gratidão por fazer o contato. Você poderá falar conosco, da forma como o fez aqui e também utilizando o espaço "comentários". Ele está disponível durante as 24 horas do dia e os 365 dias do anos. O administrador do blog só deleta interferências que possam ferir o espírito deste trabalho - seriedade, partilha de dados comprovadamente documentados. Sem documento não tem história, não é isso? Continue conosco.
Luz e harmonia.

Postagens mais visitadas deste blog

A família do Pe. Manoel Francisco Maciel em Minas.

Antiga foto da fazenda da Serra de Carmo da Cachoeira.

As três ilhôas de José Guimarães.