Correspondência recebida:





de: Yasmin

O caminho é um só: um grande mutirão educativo. Ele seria suprapartidário, ecumênico, que se expandisse para além das divisões geográficas e espaços aéreos, culturais, raciais ou de gênero. É o que a Agenda 21 Global tentou fazer. Você já procurou saber, o que a Agenda 21 local está fazendo como colaboradora do sofrimento do Planeta Água?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.