Correspondência recebida.





de: Maria José Naves Costa e família.

Fiquei emocionada com o seu reconhecimento em resgatar a história da família. Realmente a família marcou presença muito forte no muncípio de Carmo da Cachoeira.

Sinto ter perdido algumas anotações sobre fatos acontecidos politicamente envolvendo o meu bisavô Artur Alves Costa e meu avô Antonio Alves da Costa (Antoinzinho Piruca).

Desde de pequena eu ouvia as histórias, achando que o meu bisavô era uma figura um pouco político e engraçado, pois com jeitinho conseguia certas regalias, como por exemplo: acompanhar grandes políticos cidades vizinhas. O meu pai Antônio Alves da Costa também tinha esse lado politíco, trabalhou como autonômo, funcionário público municipal e por último funcionário estadual. Bom lembrar que Nenê Piruca ou Nenê do Antoinzinho como era conhecido, muito "colaborou" (nunca foi muito apegado ao dinheiro) com a formação da municipalidade, sabia nome completo de todos os habitantes da cidade, endereço e até metragem dos terrenos, por muito tempo foi arquivista na prefeitura. Lembro que esmerava no trabalho, pouco foi reconhecido financeiramente por isto.

"Velhos tempos" que não voltam mais, diferentes de hoje... Voltarei para mais registros. Gratidão a você pela oportunidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.