A arte em tecelagem do artista plástico Nardo.


Ajude-nos a contar a história de Carmo da Cachoeira. Aproveite o espaço "comentários" para relatar algo sobre esta foto, histórias, fatos e curiosidades. Assim como casos, fatos e dados históricos referentes a nossa cidade e região.

Imagem anterior: Nardo, arte em tecelagem em Carmo da Cachoeira-MG.

Comentários

projeto partilha disse…
A tela compõe a decoração da casa de Nardo, no centro de Carmo da Cachoeira, Minas Gerais.
projeto partilha disse…
Primeiros registros de batizados no ano de 1869 na Freguesia do Carmo da Cachoeira, Minas Gerais. São eles:
Delfina, crioula, na Igreja Matriz, filha legítima de Targino e Prudenciana. Padrinhos: Gabriel Junqueira Júnior e Marianna Carolina Alves;
Umbelina, parda, na Igreja Matriz. Padrinhos: Vicente e Francisca;
Maria, parda, filha legítima de José Maria do Nascimento e Rozalina Maria de Jesus. Padrinhos: Francisco Antonio Ferreira e Carolina Maria de Jesus;
Joaquim,, crioulo, na Igreja Matriz, filho natural de Jacintha Cândida de Jesus. Padrinhos: Manoel de Natividade Machado e Maria Rita de Jesus;
Anna, crioula, na Igreja Matriz, filha legítima de João Boaventura da Silva e Victória Maria de Jesus. Padrinhos: Marcolino Ferreira da Rosa e Maria Hippólita de Jesus;
Antonio, pardo, na Igreja Matriz, filha natural de Anna Catharina de Jesus. Padrinhos: Joaquim Rodrigues de Assis e Catharina Maria do Nascimento;
Antello, crioulo, na Igreja Matriz, filha legítima de Francisco e Benedita. Padrinhos: Manoel e Marcela;
Antonio, branco, na Ermida de Severino Ribeiro de Rezende, filho legítimo de Severino Ribeiro de Rezende e dona Jacintha Poncianna. Padrinhos: Antonio Abdenago de Rezende e Purcina Cândida de Figueiredo;Albertina, na Matriz de São Thomé das Letras, branca, filha legítima de Francisco A. Paula Baptista e Marianna Cândida de Figueiredo. Padrinhos: Vicente Lima Lisboa e Maria Paulina da Fonseca;
Pracedina, branca, na Capela de São Bento do Campo Bello, filha legítima de Gabriel Duarte e Cândida Garcia Duarte. Padrinhos: Gabriel Flávio da Costa Júnior e Maria Garcia do Carmo;
Domingos, branco, na Capela de São Bento do Campo Bello, filho legítimo de Antonio Joaquim Alves da Costa e Prudenciana Maria de Jesus. Padrinhos: Firmiano Antônio da Silva e Anna Antonia da Silva;
Maria, parda, na Capella de São Bento do Campo Bello, filha legítima de Miguel Ferreira e Marianna Ribeiro da Silva. Padrinhos: Manoel Joaquim da Luz e Anna Ribeiro da Silva;
Maria, parda, na Igreja Matriz do Espírito Santo da Varginha, filha legítima de João Evangelista Lisboa e Prudenciana Maria de Jesus. Padrinhos: Antonio Teixeira de Rezende e Maria Ribeiro;
Olímpia, crioula, na Ermida da Barra, filha legítima de Luiz e Coeteche, escravos. Padrinhos: Serafim e Venância de Nação.
projeto partilha disse…
Continuação. Registros de batizados. Ano: 1869. Freguesia do Carmo da Cachoeira, Minas Gerais.
João, pardo, Igreja Matriz, filho legítimo de José Custódio da Silva e Luciana Maria de Jesus. Padrinhos: Antonio Procópio Vilella e Amélia Augusta de Toledo;
Ubaldina, crioula, na Ermida dos Terras, filha natural de Marianna, escrava de José Marciano da Costa. Padrinhos: João Hermenegildo Vilella e dona Marcianna Ferreira da Costa;
Ponciana, parda, na Ermida do Taquaral, filha legítima de Felisbino Antonio do Nascimento e Maria Rita Romano. Padrinhos: Maria de Jesus e Bonifácio José da Silva e Massimo; Paulino, crioulo, na Ermida do Major Joaquim Antonio de Abreu, filho legítimo de Auta e Manoel crioulos. Padrinhos: Cesar Augusto da Silva e Bárbara Constância;
Maria, parda, Na Igreja Matriz, filha natural de Marianna Nunes de Jesus. Padrinhos: Joaquim Martins Ferreira e Cândida Maria de Jesus;
Marianna, branca, na Ermida da Chamusca, filha legítima de Gabriel José Junqueira Júnior e dona Marianna Alves de Gouvêa. Padrinhos: Antonio Severiano Dias de Gouvêa e dona Maria Carolina de Gouvêa;
José, pardo, na Igreja Matriz, filho legítimo de Francisco Elias Xavier e Jesuina Maria do Nascimento. Padrinhos: José Luiz Xavier e Beatriz Maria de Jesus.
(continua)
projeto partilha disse…
Nomes do Padres que aparecem ministrando os batizados e registrando esses atos, no Livro de N.1 da Freguesia do Carmo da Cachoeira. Os registros fazem partem dos "Manuscritos do Projeto Partilha". São eles, Segundo ordem sequencial de apresentação:
Pe. Joaquim Antonio de Rezende; Cônego Urbano dos Reis Silva Rezende; Pe. Bento Ferreira de Mesquita;Pe. Agostinho José de Souza e Oliveira; Pe. João Ribeiro Maia;Pe. Joaquim Soares Calixto; Pe. João Thomaz de Souza;Pe. José Paulino da Silva (de licença do Vigário); Cônego João de Castro Guimarães; Pe. Antonio Luiz Maria de Freitas; Pe. Joaquim Vilella de Castro; Pe. Joaquim Carlos de Castro Vilella; Pe. João Câncio Meirelles; Pe. Zeferino Cândido Pereira Avellar; Pe. José Paulino de Souza; Pe. Manoel das Dores Brasil; Pe. Joaquim Antonio de Souza; Pe. Balthasar Correia Simões de Barros; Missionário João Gualberto Chanovat; Missionário Miguel Maria Sepolis; Cônego Augusto Leão Quartin; Pe. Nicolau Maria Leandosi (Leantosa); Pe. Antonio Joaquim da Fonseca; Pe.Vicente de Melo Cesar;; Pe. José Gomes de Souza Conceição; Pe. Joaquim Marttins Ferreira de Souza; Pe. Luiz Beltrão Augusto de Oliveira; Pe. Joaquim M. Ferreira da Silva e Pe. Francisco de Sena Xavier.
projeto partilha disse…
Continuação. Batizados na Freguesia do Carmo da Cachoeira, Minas Gerais. Ano 1869.
Maria, branca, Fazenda dos Terras, filha legítima de Gabriel Francisco Ribeiro e dona Cândida Gabriela da Costa. Padrinhos: Severino Augusto da Costa e dona Maria Balduina da Costa;
Basílio, crioulo, na Fazenda dos Terras, filho legítimo de Antonio e Narcisa, escravos de Gabriel Flávio da Costa. Padrinhos: Basílio e Beatriz, escravos;
Maria, branca, na Fazenda dos Terras, filho legítimo de Francisco Alves da Costa e dona Maria Balduína da Costa. Padrinhos: Ignácio José Alves e Maria Cândida de Jesus;
Francisca, parda, na Fazenda dos Terras, filha natural de Perciliana de Jesus. Padrinhos: João Cândido da Costa e Ignácia Augusta da Costa;
Anselmo, crioulo, na Ermida de Severino Ribeiro de Rezende, filho legítimo de Camillo e Joanna. Padrinhos: Silvestre e Romana;
João, pardo, na Capella de São Bento do Campo Bello, filho legítimo de Marcolino Nunes Mendonça e Gabriela Cândida de Jesus. Padrinhos: José Gustavo Xavier e Ana Dulcina de Paula;
José, pardo, na Capella de São Bento do Campo Bello, filho legítimo de Antonio Joaquim de Oliveira e Luciana Maria Clara. Padrinhos: Francisco de Paula Baptista e Mariana Cândida de Figueiredo;
Ignácio, pardo, na Capella de São Bento do Campo Bello, filho natural de Theresa Maria de Jesus. Padrinhos Domiciano José de Oliveira e Anna Dilina(?) de Paula;
Maria, branca, na Capella de São Bento do Campo bello, filha legítima de Francisco Antonio Ferreira e dona Anna Luisa dos Reis. Padrinhos: Francisco Ignácio de Mello e Anna Porfíria dos Reis;
Martinho, crioulo, na Capella de Luminárias, filho legítimo de Domingos Affricano e Theresa. Padrinhos: Marcellino e Victória;
Emília, crioula, na Capella de Luminárias, filha legítima de André e Rita. Padrinhos: Sebastião e Maria;
Maria, branca, na Capella de Luminárias, filha legítima de Francisco Antonio Ferreira e Anna Luisa dos Reis. Padrinhos: Francisco Ignácio de Mello e Anna Porfíria dos Reis.
(continua)

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.