Capitão Figueiredo em Aiuruoca, os fatos e o mito.


O capitão José Alves de Figueiredo, natural da Freguesia de São Martinho das Moitas, Bispado de Vizeu, Portugal, residiu em Aiuruoca e lá se casou com Maria Vilela do Espírito Santo. Era Capitão-Mor das Milícias, na região de Aiuruoca, e existe uma lenda que diz ter tido ele um poder discricionário sobre uma grande área territorial no Sul de Minas Gerais.

Entretanto, até agora, nenhuma documentação foi encontrada comprobatória do fato. De fato ele requereu uma semaria, que lhe foi concedida, em 21 de hulho de 1778, entre Sertão do Rio Grande e do Rio Sapucaí (SC. 206 p.155, APM), nas sobras das sesmarias do Sargento-Mor Felipe Antonio Burem e do Capitão Antônio França, seus confrontantes (HPT., JC, 1980, p. 133). Domingos Vieira da Silva também divisava com ele. Deixou grande descendência em Três Pontas, Boa Esperança, Coqueiral, Nepomuceno, além de outras localidades.

Artigo de Paulo Costa Campos

Próxima matéria: A gripe espanhola na região de Três Pontas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.