Padre José Procópio Júnior em Carmo da Cachoeira

Imagem
Paróquia Nossa Senhora do Carmo sob nova guiança Editorial Sai Pe. Daniel Menezes, e assume como administrador paroquial da acolhedora cidade de Carmo da Cachoeira, em fevereiro de 2019, o Pe. José  Procópio Júnior.
"Não cabe à pedra escolher o lugar que deve ocupar no edifício. Assim também não cabe à nós criaturas ditar ao Criador o que deve acontecer em nossa vida, pois Deus é quem sabe e dispõe com sabedoria própria." − Dom Servílio Conti, IMC Como página que observa os acontecimentos neste pedaço de chão mineiro, limitado por montanhas e que, segundo o cachoeirense Padre Godinho, “todas são azuis”, registramos o remanejamento ocorrido entre padres ligados a Diocese da Campanha no ano de 2019. Entre as mudanças encontra-se a Paróquia Nossa Senhora do Carmo/Carmo da Cachoeira – MG.

Sai nosso querido Padre Daniel Menezes. Por ele continuamos a rezar e o devolvemos, entre lágrimas e a esperança de um dia tê-lo entre nós. Somos eternamente gratos e devedores. Entra, aureola…

Correspondência recebida:


de: Afonso Celso Terra Martins

Moro em Bernardino de Campos-sp. Estou pesquisando minha árvore genealógica. Sou tataraneto de Joaquim Rodrigues Terra. Procuro pela família de minha trisavó Maria Luciana de Mello que foi casada com José Daniel Rodrigues Terra, natural de Capela de São Joaquim. Sua família veio para o est. de sp na cidade de Pirajú (vizinha a Bernardino). Estou em contato com o site da família Terra, mas não consegui informações sobre Maria Luciana. Caso possa me ajudar eu agradeço e aguardo retorno. Obrigado.

Comentários

Anônimo disse…
Oi, Afonso Celso. Antonio Galvão Sampaio Terra esteve aqui e conversando conosco. Juntos ele e sua equipe, mais um integrante do Projeto Partilha, fizeram reconhecimento da área, onde nos idos anos do século XVIII, seus ancestrais moraram. Registraram os escombros e a localização das terras, através de fotografias. Entrevistaram pessoas, e almoçaram na cidade de São Bento Abade. No restaurante encontraram um cidadão descendente da FAMÍLIA TERRA que diz, terem os ramos da família, que ficaram em Minas Gerais, se fixado pelos lados do município de Luminárias. O grupo é extremamente sério e creia, se eles não encontraram os dados, irão encontrar. Demonstram ser símbolo de persistência e garra somada a um respeitoso e grato amor por seus ancestrais.

Postagens mais visitadas deste blog

Antiga foto da fazenda da Serra de Carmo da Cachoeira.