Os Conselhos e a Igreja.


A Igreja de Deus em ação é formada por discípulos integrados e com conhecimento de suas responsabilidades religiosas. Um ponto de ligação de seu ser com o sagrado, com divino na face da terra. Segundo a parábola do Bom Pastor, discípulos se alimentam da palavra: "As ovelhas o seguem porque conhecem sua voz." (Jo 10,4).
A harmonia entre as ações dos membros da comunidade de Deus se faz graças ao envolvimento de todos. As diretrizes traçadas pelo Episcopado atentam para anseios da comunidade, e a ele são transmitidas pelos Conselhos de Base.
A V Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe redigiu o texto conclusivo de seu encontro que aconteceu em Aparecida, São Paulo, de 13 a 31 de maio de 2007, e que está sendo divulgado como, Documento de Aparecida. Este documento é o norteador atual das açoes da Diocese da Campanha, e das Paróquias a ela ligada. Ele estimula a ação evangelizadora da Igreja, chamada a fazer de todos os seus membros, discípulos e missíonários de Cristo, caminho, verdade e vida. A Conferência se propõe "a grande tarefa de proteger e alimentar a fé do Povo de Deus e recordar também aos fiéis, que em virtude de seu batismo, são chamados a ser discípulos e missionários de Jesus Cristo."
Cada paróquia também tem os seus Conselhos, que são equipes formadas por cristãos católicos que representam as forças vivas da Igreja. O Conselho Paroquial Pastoral - CPP é responsável pela organização e articulação das pastorais, entre outras atribuições. Este Conselho reflete, estuda, planeja, decide, revisa toda ação pastoral da paróquia e encaminha providências visando ações que se fazem necessárias, para o aprimoramento da caminhada dos fiéis paroquianos, e sobretudo para um trabalho em qualidade conforme as normas pré-estabelecidas. Convictos de que "o diálogo é o mais sábio dos caminhos", o CPP marcou audiência com o Senhor Bispo Diocesano e entregou a ele missiva apontando um dos pontos que, segundo os fiéis devem ser revisto: duas Paróquias sob a responsabilidade do mesmo Pároco, num momento em que a Paróquia de Nossa Senhora do Carmo se prepara para implementar, sob a coordenação de Padre André Luiz da Cruz a segunda etapa na formação de díscípulos e missionários locais.
veja 26/05 - a carta na íntegra entregue a Dom Diamantino.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A organização do quilombo.

A Família Campos no Sul de Minas Gerais.